POLITICA E PRIVACIDADE

Privacidade e Segurança

EGNIZ | Climatização Energias Renováveis

POLÍTICA DE PRIVACIDADE E PROTEÇÃO DE DADOS PESSOAIS



1.1 Usamos a informação que recolhemos através do site para processamento de encomendas e possível promoção dos nossos produtos.
1.2 No acesso ao formulário contactos, onde pode introduzir ou atualizar todos os seus dados pessoais.
1.3 Para exercer o seu direito de acesso, ao abrigo da legislação aplicável na matéria de proteção de dados pessoais, nomeadamente efetuar outras retificações aos seus dados, por favor contacte-nos por e-mail ou telefone.
1.4 A Egniz está empenhada em proteger a segurança e privacidade, neste contexto, o seu compromisso e respeito para com as regras de privacidade e de proteção de dados pessoais.
1.5 A utilização e navegação no nosso website, o preenchimento dos nossos formulários e o fornecimento de dados diretamente ou indiretamente, implicam o conhecimento e aceitação das condições desta Política.
1.6 Dados de identificação e de contacto, como nome, endereço de e-mail, número de telefone e endereço postal, alguns destes dados são essenciais pois sem eles poderemos não ter possibilidade de lhe prestar os serviços que nos solicitar.
1.6 Ainda e nos termos da Lei, poderá retirar o seu consentimento em qualquer altura.

COOKIES E OUTRAS TECNOLOGIAS DE RASTREIO

Todos os browsers permitem ao utilizador aceitar, recusar ou apagar cookies, nomeadamente através da seleção das definições apropriadas no respetivo navegador. Pode configurar os cookies no menu "opções" ou "preferências" do seu browser.
Note-se, no entanto, que, ao desativar cookies, pode impedir que alguns serviços da web funcionem corretamente, afetando, parcial ou totalmente, a navegação no website.

RESOLUÇÃO EXTRAJUDICIAL DE LITÍGIOS

Em caso de litígio é competente para a solução da contenda o Tribunal Judicial da Comarca da Vila do Conde. A Comissão da UE disponibiliza uma plataforma online destinada à resolução de litígios ("plataforma ODR") que, em conformidade com as informações da Comissão (datadas de 6 de janeiro de 2016), deverá estar disponível através da ligação http://ec.europa.eu/consumers/odr/ a partir de 15 de fevereiro de 2016.
Se o cliente for um consumidor residente na União Europeia, tem a possibilidade de utilizar esta plataforma para a resolução extrajudicial de litígios relativos a obrigações contratuais dos contratos de compra online.

Regime jurídico para as linhas de apoio a consumidores

Foi publicado o Decreto-Lei n.º 59/2021, de 14 de julho que estabelece o regime aplicável à disponibilização e divulgação de linhas telefónicas para contacto do consumidor.
Dever de informação para entidades e empresas
Qualquer entidade que disponibilize linhas telefónicas para contacto do consumidor deve divulgar, de forma clara e visível, nas suas comunicações comerciais, na página principal do seu sítio na Internet, nas faturas, nas comunicações escritas com o consumidor e nos contratos com este celebrados, quando os mesmos assumam a forma escrita, o número ou números telefónicos disponibilizados, aos quais deve ser associada, de forma igualmente clara e visível, informação atualizada relativa ao preço das chamadas. A informação relativa aos números e ao preço das chamadas deve ser disponibilizada começando pelas linhas gratuitas e pelas linhas geográficas ou móveis, apresentando de seguida, se for o caso, em ordem crescente de preço, o número e o preço das chamadas para as restantes linhas.

Quando não seja possível apresentar um preço único para a chamada, pelo facto de o mesmo ser variável em função da rede de origem e da rede de destino, deve, em alternativa, ser prestada a seguinte informação, consoante o caso: «Chamada para a rede fixa nacional»; «Chamada para rede móvel nacional.

Telefone: (+351) 252 615 959    Chamada para a rede fixa nacional
Smartphone: (+351) 918 806 567    Chamada para a rede movel nacional